Perceba o que é BCAA

Os BCAA’s ou “branched chain amino acids”, no inglês, são os aminoácidos de cadeia ramificada, leucina, isoleucina e valina, também chamados de aminoácidos essenciais porque o nosso organismo não pode produzi-los. Se a concentração de BCAA sérico diminui durante o exercício prolongado, a suplementação de BCAA pode representar uma medida preventiva. Como são metabolizados principalmente no músculo e não no fígado, oferecem energia durante o exercício, evita ou reduz a taxa de degradação das proteínas e ajuda a manter a proporção Triptofano/BCAA normal durante o exercício prolongado.

Principais efeitos da suplementação de BCAA:

– Estes aminoácidos são usados como fonte de energia durante o exercício

– O BCAA compete com o triptofano (outro aminoácido essencial) na passagem pela barreira hematoencefálica (sangue-cérebro), podendo, dessa forma, atenuar a fadiga central;

-A suplementação com BCAA evita a utilização de aminoácidos da estrutura muscular para o fornecimento de energia, diminuindo o catabolismo (degradação muscular).

Suplementação de BCAA e desempenho mental

Várias modalidades desportivas, como ténis e futebol, envolvem prolongados e intermitentes picos de esforço de alta intensidade, nos quais o estado de alerta mental deve ser mantido. Em eventos assim, a proporção triptofano/BCAA pode aumentar, conforme constatado por Struderetal., num estudo que envolveu tenistas norte americanos durante 4 horas contínuas de jogo. Utilizando vários testes de desempenho cognitivo como avaliação, inúmeros estudos de Blomstrandetal., constataram que a suplementação de BCAA melhorou o desempenho mental de jogadores de futebol de nível internacional depois de um jogo e de corredores após uma corrida de 30 quilómetros. Esses campos de estudo interessantes merecem mais pesquisas, complementadas por estudos de laboratórios bem controlados.

Onde encontrar:

Estes 3 aminoácidos na forma isolada são somente encontrados em suplementos nutricionais. Porém podem ser encontrados junto com outros aminoácidos, principalmente em alimentos ricos em proteína de origem animal e suplementos como o WHEY PROTEIN. Aproximadamente 17% de BCAA são encontrados nas proteínas dos músculos para os quais esses aminoácidos fornecem até 16% de energia.

Ao utilizar suplementos comerciais contendo BCAA, evite tomá-los junto com as refeições, pois estes podem interferir na absorção de outros aminoácidos pelo organismo.

* Texto de autoria da Nutricionista  Débora Mocelin CRN 1466, retirado do site da SuperCorpo Magazine