3Corrida pela Arte em Canha – por Filipa Vieira

0

A terceira corrida/caminha pela arte decorreu hoje, em Canha. Num percurso de terra batida e com os atletas a passarem pela famosa Ribeira cujo o nível da água dava pelo joelho, esta prova “ganha” o nome de Trail! E muito bem atribuido. 10km ou 5km foram as distâncias percorridas pelos cerca de 300 atletas.

A organização e carinho dos locais faz desta prova o que ela é em termos humanos: segura e acolhedora!
Em termos de prova, foi um desafio bem composto: muitas mini subidas e outras que não são assim tão mini…
Com uma partida rápida, e com o primeiro km a ser parcialmente em alcatrão, consegui impor uma boa distância. Esta foi mantida com a ajuda preciosa do Carlos Lopes, que na função de lebre esteve ao mais alto nível! Grata!
Terminar em primeiro é sem dúvida bom, mas ter a oportunidade de correr a respirar ar puro é algo que não tem lugar, é algo muito bom! Assim foi em Canha, num dia agradável, senti-me bem e em sorriso, após 48:55s, cruzei a meta!

Não posso terminar sem realçar novamente o empenho da organização deste evento, traduzindo-se em boas condições, segurança na prova (marcações e pessoas nos cruzamentos, bem como polícia nas estradas cortadas), abastecimentos e duches, bem como diversos prémios entregues por sorteio e ainda para 3 primeiros da geral! Por poucos euros havia almoço para quem assim o desejasse. Bem haja a todos que em nome da Santa Casa da Misericórdia de Canha se empenharam e nos proporcionaram esta agradável prova com um sorriso na cara!

A equipa aminhacorrida esteve bem representada pelo Emanuel, pelo Carlos e por mim, Filipa Vieira 🙂