Desportos que complementam a corrida

0

Muitos corredores procuram novos métodos para melhorar o desempenho e combater a perda de motivação que pode ocorrer por diversos factores, como o mau tempo ou o correr muitas vezes sozinho.

A prática de outros desportos é recomendada como complemento aos treinos de corrida, uma mais-valia para a quebra da rotina e o aumento do rendimento desportivo.

Natação

A natação é uma das modalidades mais complexas que existe, pois trabalha praticamente todos os músculos do corpo ao mesmo tempo. Para além do fortalecimento muscular, a natação trabalha também a parte aeróbica, o que é indicado para quem pretende melhorar a resistência na corrida.

É um óptimo exercício para ser feito em paralelo à corrida, pois ajuda no relaxamento muscular e na prevenção e/ou recuperação de lesões, benéfico para fortalecer ossos e músculos.

A natação ajuda igualmente na capacidade respiratória, de relaxamento e concentração no momento de uma corrida.

Ciclismo e Spinning

Os benefícios que o ciclismo, e a modalidade indoor mais conhecida como spinning, proporciona são vários: fortalece os membros inferiores (pernas), o que ajuda imenso na prevenção de lesões musculares e ósseas e também no impacto no solo durante a corrida; indicada como treino regenerativo, enquanto o organismo descansa do treino de corrida; aumenta a capacidade cardiopulmonar e vascular; alivia o stress e melhora no condicionamento físico em geral.

Esta modalidade tem a aptidão de queimar calorias, melhorar a circulação sanguínea e até combater casos de depressão.

Yoga e Pilates

Correr e praticar pilates ou yoga pode ser a combinação perfeita para quem procura equilíbrio entre a parte física e mental.

Yoga e pilates são modalidades que trazem uma abordagem eficiente e totalmente distinta de como exercitar o corpo, pois exige não só uma consciência corporal avançada, como também flexibilidade e coordenação.

Quanto mais flexíveis forem os músculos, maior será a amplitude dos movimentos na corrida e menor será o risco de contrair dores musculares.

Estas modalidades são uma alternativa ideal para quem não gosta de musculação ou para quem não pretende um aumento da massa muscular, o que é o ideal para os corredores casuais. Porém, tal como acontece com a musculação, as mesmas tonificam glúteos, pernas, zona lombar e ainda melhora a condição cardio-respiratória, entre outros benefícios.

Musculação  

O treino de força é importante para quem corre, pois a execução de movimentos repetitivos e o impacto na pisada tendem a ser desgastantes para os músculos das pernas, braços e costas.

Hoje em dia são muitos os corredores de alta competição que recorrem à musculação.