- Publicidade -

Quando o objetivo é melhorar tempos e distâncias, não basta apenas colocar os ténis na hora de correr. O running é uma modalidade como qualquer outra e quando se passa de amador a profissional é preciso ter em conta alguns aspetos que podem melhorar ou prejudicar a corrida.

A pensar naqueles que querem ser mais rápidos e eficazes nas provas, o Huffington Post criou uma lista com os cinco truques essenciais para se correr mais rápido.

1. Ter uma playslist pronta antes de ‘arrancar’: Embora algumas pessoas prefiram correr sem música, são muitas as que relacionam as batidas com o rendimento, defendendo que determinadas sonoridades – em especial as mais enérgicas e ritmadas – ajudam a correr melhor e a melhorar o ritmo.

2. Respirar com a barriga lentamente: Começar uma corrida com ‘gás’ e ao terceiro quilómetro já não conseguir controlar a respiração é o erro mais comum entre os corredores iniciantes. Respirar pelo peito implica um maior esforço torácico e pode prejudicar o ritmo da corrida, por isso, diz o Huffington Post, o ideal é respirar com a barriga, lentamente e profundamente. Além de dar mais oxigénio aos músculos, reduz também o gasto de energia.

3. Usar uma app para monitorizar as corridas: Ter uma noção da performance e dos quilómetros feitos não só ajuda a monitorizar os treinos como a ter consciência do esforço físico que a corrida implica. As aplicações móveis guardam todos os registos dos treinos e ajudam a fazer comparações, de forma a que numa corrida futura o ritmo seja já mais acelerado.

4. Não lutar contra a dor: É tão simples quanto isto: não vale correr com dor. Ao primeiro sintoma – ou à primeira ‘pontada’ – o melhor é abrandar ou até mesmo parar. A corrida implica um desgaste físico elevado e as lesões são comuns e, quando não tratadas na hora, podem ser graves e levar a meses de recuperação.

5. Aquecer e caminhar antes de correr: Parar e alongar, esticar as pernas, o tronco, rodar os tornozelos, levantar os joelhos… são muitos os exercícios de aquecimento que podem e devem ser feitos. Contudo, não são os únicos a ser executados antes da corrida, segundo o Huffington Post convém também dar uma pequena caminhada – nem que seja de 30 segundos – antes do arranque da corrida.