- Publicidade -

Muita gente pergunta, se o pão engorda, saiba porque é errado pode perguntar se determinado alimento específico engorda.

Fazer essa pergunta não faz sentido, porque o que faz engordar, é o balanço calórico positivo. Balanço calórico positivo, é quando o seu consumo de calorias está mais alto do que eugasto de calorias. Porque essas calorias que sobram, viram o famoso acúmulo de gordura.

Agora, balanço calórico negativo é quando o seu consumo de calorias está mais baixo do que o seu gasto de calorias, e assim emagrece. Porque o seu corpo para compensar essa energia que falta, vai tirar do seu estoque de gordura. Mas ele também pode tirar da sua massa muscular.

Não é só o balanço calórico que importa para emagrecer.

Se igualar o mesmo número de calorias, mas fazer três tipos diferentes de dieta, uma que só tem gordura uma que só tem proteína e uma que só tem carboidratos, será que o crescimento vai ser o mesmo?

E, na verdade, é que o resultado não vai ser o mesmo, e é aí que está o problema. Quando quer realmente se aprofundar no assunto vai ter que considerar, que existe uma fórmula para calcular o seu balanço calórico, e essa fórmula é o seguinte.

O consumo total, que é o que pode consumir através da sua dieta, vai subtrair o seu gasto energético total, ou seja o quanto gasta durante seu dia.

Como saber o seu gasto energético total.

No entanto para saber, o seu gasto energético total, existem três fatores que tem que considerar. A primeira coisa, é a sua taxa de metabolismo basal, que é a quantidade de calorias que seu corpo usa apenas para manter a funções vitais.

Como o batimento do coração, o cérebro funcionando, e todos os órgãos funcionando, e isso gasta energia.

E a maioria dos seus gastos de calorias, vem desse processo para manter vivo. Outro fator também, é o fator de atividade física, ou seja as suas atividades diárias. O levantar da cadeira, caminhar dentro da sua casa, e qualquer movimento que faça.

Que exija um trabalho muscular e qualquer que seja a esse trabalho muscular, gasta energia e esse gasto, também entra para conta. Se tem uma vida muito ativa, e que treinar muito intenso, vai ter um gasto muito maior.

Balanço calórico e o efeito térmico dos alimentos.

Outra coisa que pouca gente conhece, é o que se pode chamar de efeito termogênico induzido pela dieta que também é chamado de efeito térmico dos alimentos. Isso tudo quer dizer uma coisa só, o quanto de calorias que seu corpo gasta para processar os alimentos que come.

Exatamente isso que viu acima, só o fato de comer, gasta energia, porque além de fazer todo o processo de mastigação, digestão e depois tem um processo de transporte e armazenamento de nutrientes.

Porque as calorias não são todas iguais, pois as proteínas têm um efeito térmico maior.

Isso significa que, gasta mais energia para digerir e processar as proteínas do que os carboidratos e gorduras.

Veja também: 6 tipos de chás para ter mais facilidade em emagrecer.

As calorias não são todas iguais.

Se fizer uma dieta onde come só gorduras, uma proteína, e uma onde come só carboidratos o resultado vai ser diferente.

Porque as proteínas, por exemplo, comeu 2000 calorias em proteínas, mas na hora de processar essas 2000 de proteínas, ela séria menos do que processar 2000 calorias em carboidratos.

É nesse ponto que a lei do balanço calórico para de funcionar, por conta do efeito térmico dos alimentos.

E se for fazer uma dieta onde só tem carboidratos, e não tem proteínas certamente vai perder massa muscular. E também seria muito ruim para seu organismo.

As proteínas são muito importantes em qualquer dieta.

Por que as proteínas, têm muitas funções vitais para manter o funcionamento do seu organismo.

E uma função muito interessante das proteínas é para recuperar os desgastes dos tecidos epiteliais dos órgãos.

Porque quando come e digere os alimentos, tem um desgaste dos tecidos internos dos órgãos, como o do estômago e do intestino e as proteínas vão lá para repor esses desgastes.

Mas se começar a ter uma perda de massa muscular, quando não tem síntese proteica vai ter uma redução da taxa metabólica basal que é outro fator que compõem o gasto energético total.

A lei do balanço calórico, é inviolável.

Isso não significa que a lei do balanço calórico esteja errada. É a taxa metabólica basal que reduziu a lei do balanço calórico é inviolável e não tem como escapar dela. Seja lá o que come, o que modifica são as variáveis dependentes de como é a sua dieta e dependendo do seu estado de saúde.

O que vai modificar, são as variáveis que compõem a fórmula, só o balanço calórico é que importa.

Se o indivíduo, mesmo que coma pouco mais os alimentos de menor qualidade, só açúcar ele vai começar a dar picos de insulina toda hora. E vai começar a ficar resistente à insulina e provavelmente vai engordar.

Então isso também é uma coisa muito corriqueira quando a gente fala de balanço calórico. As pessoas sempre leva esse tipo de argumento e tem que prestar atenção no seguinte caso, não é o balanço calórico que deixa de funcionar é a taxa metabólica basal que vai reduzir.

E vai ficar resistência à insulina, e talvez aquele número de calorias que uma vez faria ter uma perda de peso, não vai mais funcionar.

O que acontece se manter uma dieta de má qualidade.

Mantendo uma dieta de má qualidade ao longo prazo, o seu corpo passa a funcionar pior e sua taxa metabólica basal cai.

Aí aquele número que antes era um balanço calórico negativo passa-se um balanço calórico positivo.

Porém o principal, é que não interessa o que está a comer. Se não atingir o número de calorias necessárias para manter funcionando normalmente, vai perder peso.

Então, para emagrecer de forma saudável e corretamente, é muito importante, ter a ajuda de um nutricionista.

Porque ele, vai calcular a quantidade total de calorias que gasta por dia. E vai montar uma dieta personalizada e com os melhores alimentos e as quantidades certas que deve comer. Tudo isso para que tenha a certeza de que vai estar com balanço calórico negativo e vai conseguir emagrecer.