Patê de frango com iogurte

    0
    Já falamos aqui, em outra oportunidade, sobre o que comer antes das provas, pois bem, e depois das provas, o que devemos comer?

    Em geral, existe uma regra que diz que nos dias que antecedem uma prova, devemos aumentar o consumo de carboidratos de alto índice glicêmico, estocando assim energia em nosso organismo, e, já falamos também, que horas antes das provas, devemos ingerir carboidratos de baixo índice glicêmico, como a batata doce, que liberara energia no decorrer da prova, gradualmente, … ok, mas, e depois da prova?
    Nada de relaxar, após a prova é hora de focar na recuperação dos músculos, alimentado o corpo corretamente, e quanto antes começar, melhor!
    Logo após a corrida, a reposição de nutrientes tem papel fundamental na boa recuperação do atleta, e deve ser iniciada imediatamente afim de evitar perda de massa magra. Devemos neste caso, dar preferencia a ingestão de carboidratos de alto índice glicêmico, como pães brancos, arroz, batatas, mel, associados a fontes de energia, como carnes brancas, vermelhas, ovos, leite…
    Uma boa opção, é prepara e levar consigo um lanche, a ser consumido logo após a prova, mesmo as organizações das provas tradicionalmente oferecerem aos atletas uma farta mesa de frutas… não dispense-as, são muito importantes, mas, coma seu lanche de carbo+proteinas!
    Patê de peito de frango com iogurte integral
    100 gr de peito de frango cozido e desfiado
    1 pão francês sem miolo,
    duas fatias de queijo branco,
    alecrim,
    tomate fatiado,
    azeite
    orégano e sal a gosto
    1 ovo cozido e picado,
    azeitonas picadas
    1 iogurte natural integral
    misture o frango desfiado, alecrim, azeite, orégano, sal e azeitonas picadas, acrescente meio iogurte, retire o miolo do pão, recheie com o pate, acrescente o queijo branco e as fatias de tomate ( tire as sementes para não juntar água no lanche ).
    coloque em um pote bem embalado em plastico filme e acompanhado de um guardanapo, se estiver muito calor, é bom deixar em uma bolsa térmica refrigerada para não correr risco de estragar, consuma nesta temperatura em no máximo duas horas!
    Bom Apetite!
    Chef Monica Goncalves