Como se protejer de gripes e constipações?

0

Começou a temporada de gripes e constipações. Com o fim do Verão, baixam as temperaturas e surgem as chuvas e com isso, muita gente fica doente. Embora não tenhamos um clima extremo, o frio e o ar seco oferecem condições perfeitas para a proliferação de germes, o que torna esta época na temporada das gripes e constipações. já diziam os antigos, uma gota de prevenção, vale mais do que um quilo de cura. Então, leia as nossas sugestões para se prevenir e passar o outono e inverno sem ficar doente! Mantenha o seu treino! Atletas em forma, têm proteção extra contra as bactérias que causam infeções no trato respiratório superior. Um estudo publicado recentemente no Europeanjournal of Applied Physiology, constatou que ciclistas altamente treinados apresentavam um interessante aumento de proteínas antimicrobiais na saliva depois de apenas 30 minutos de treino. Esse tipo de proteína está diretamente relacionado ao combate de doenças.

Outros dois estudos também comprovam essa descoberta. O primeiro, que analisou nadadores, percebeu um grande aumento no sistema imunológico após sessões de treino que envolviam esforços máximos. E o segundo estudo, avaliou a resposta do sistema imune de mulheres ativas ao exercício físico. Ou seja, um plano de atividade física consistente é fundamental para manter o sistema ímunologíco em alta. Então, nada de perder treinos por causa do frio.

Proteja o seu pescoço! A sua avó estava cena quando o mandava não ter frio no pescoço. Estudos já comprovaram que o nosso pescoço é particularmente vulnerável ao frio. Quando deixamos o pescoço exposto ao frio, a nossa imunidade cai, e ficamos mais vulneráveis às gripes e resfriados. A medicina tradicional chinesa tem um ditado que diz – O vento é o chefe de 100 doenças. Portanto, trate de se proteger ao sair para treinar.

Durma bastante! O sono é importante para manter o seu sistema ímunológico funcionando a todo o vapor. Vários estudos demonstraram que aqueles que dormem menos do que seis horas por noite, diminuem significativamente a habilidade do seu sistema imune de combater o ataque de vírus e bactérias, quando comparados com pessoas que dormem mais de sete horas por noite. Quando sentir que está ficando engripado, tente dormir o máximo possível para garantir a sua recuperação mais rápida

Beba muitos líquidos! No inverno, o ar costuma ficar mais seco e por isso acabamos desidratando mais facilmente. Estar hidratado é importante para o seu corpo conseguir manter abundantes os fluidos corporais que transportam os anti-corposo Alguns estudos indicam que aqueles que se mantêm melhor hidratados, reduzem o risco de ficar doentes. O problema é que no frio, nem sempre temos tanta vontade de beber água. Uma sugestão é tentar beber mais líquidos quentes como chás. Além de o manter quente, contribui para a sua hidratação

Lave as mãos! Lavar as mãos constantemente, é uma das melhores coisas que pode fazer para prevenir o seu contato com os germes que estão em toda a parte. Germes vivem nas superfícies das maçanetas de portas, telefones celulares, notas de dinheiro. E eles resistem a qualquer tempo. Encosta-se numa dessas superfícies, encosta na comida, encosta no seu rosto. Se contamiTREINO •• na e fica doente. Certifique-se de lavar as mãos regularmente.

E quando já está doente? E quando acorda com a cabeça cheia de catarro devido a algum germe oportunista, o que fazer? Treinar ou não treinar? As recomendações médicas nesse caso são muito simples: se os seus sintomas se resumem apenas ao mal-estar na cabeça, um pouco de catarro ou nariz entupido? esse caso, pode treinar, apenas diminua a intensidade (nada de séries ou esforços máximos) e encurte a duração da sessão. Uma sessão curta e leve, ajuda a aumentar o fluxo sanguíneo e a mandar as células brancas do sistema linfático para a corrente sanguínea, o que ajuda a combater as bactérias. Além de poder contribuir para dilatar as suas passagens aéreas, o que causa um alívio temporário aos sintomas da congestão.

Dores na garganta e corpo? Nesse caso, está proibido de treinar. Ao invés disso, use o tempo para descansar, e se alimentar bem. Dessa forma, permitimos que o organismo concentre todas as suas forças para recuperar.