- Publicidade -

 

Cada caso é um caso e, por isso, o segredo está na qualidade das fibras musculares. Conheça o seu tipo.

Cada corpo é um mundo, pelo que é conveniente saber para o que se tem mais aptidão, algo que pode ser muito diferente daquilo em que atualmente acredita. O segredo está na qualidade das fibras musculares. Basicamente, existem dois géneros: I-lentas e II-rápidas.

É óbvio que os velocistas têm maior percentagem das segundas, que são capazes de proporcionar instantaneamente mais energia. As outras carecem dessa capacidade de explosão, mas aguentam mais. Um maratonista de elite costuma ter 75% do I e 25% do II.

De seguida mostramos-lhe uma relação ideal para cada tipo de desportista de acordo com a composição das suas fibras musculares.

Tipo I
DESPORTISTAS DE FUNDO 
Dão-se melhor em corridas com distâncias superiores a 10 km, triatlos longos, provas de ciclismo, travessias de natação e esqui de fundo.
O seu treino baseia-se igualmente em sessões de longa duração. As repetições de qualidade são realiza-das a um ritmo intenso com pouco descanso entre elas. No ginásio fazem muitas repetições com pouco peso.

Tipo II
DESPORTISTAS EXPLOSIVOS
São aqueles que adoram participar em provas de velocidade de atletismo, ciclismo em pista, halterofilismo, desportos com bola e raquetes de alta intensidade. O treino baseia-se em exercícios explosivos. As repetições são feitas a uma intensidade máxima, com bastante tempo de recuperação entre as séries. No ginásio treinam com cargas elevadas e poucas repetições.

Tipo intermédio
Especialista em corridas em pista e estrada até 10 km, triatlos curtos e natação em piscina. Costuma jogar bem ténis, praticar remo e canoagem. O sistema de treino é uma mistura dos dois anteriores, muito completo, para conseguir conciliar a parte explosiva com a de fundo. Qualquer profissional de um determinado desporto pode praticar outras modalidades com relativa facilidade. Não será um campeão olímpico, mas com um treino adequado e específico poderá obter resultados interessantes a médio prazo.