A TUA PASSADA VISTA DO AR

0

Descobre se tens uma boa corrida As tuas pegadas dizem muito de ti, mas ainda dirão mais se observares o conjunto de vários impactos numa linha reta.

É fácil de observar sobre uma superfície de terra que deixe as pegadas marcadas. Percorre uma distância em linha reta e depois observa o alinhamento.

Se as tuas pegadas deixam a ponta do pé orientada para fora é sinal inequívoco de que pisas em rotação externa. Isto sucede quando o joelho apresenta uma rotação interna excessiva (valgismo), o fémur apresenta uma rotação interna

Que gera uma compensação com rotação externa da tíbia, e por faz que o pé fique também em rotação externa.

Quando as pegadas estão muito alinhadas ou muito próximas da linha média, é devido a uma oscilação lateral da bacia que se dispõe em adução orientando a perna para o interior. Esta configuração das pegadas é mais habitual nas mulheres por terem a bacia mais larga

Numa técnica correta deveriam aparecer duas linhas com um afastamento ligeiramente inferior à largura das ancas, onde cada pé fica alinhado à frente, sem nenhuma rotação

Se apresentas algum erro na tua passada, a causa pode estar numa oscilação excessiva da anca, muito possivelmente causada por um glúteo médio fraco e/ou uns adutores encurtados que provocam um desequilíbrio na bacia e que acabará por colocar o joelho em rotação interna.