- Publicidade -

Plano, plano
Não se deixe levar pelas primeiras emoções. Comece progressivamente a habituar-se a um novo tipo de terreno. Ainda não conhece o seu melhor ritmo, pelo que deve começar “à defesa” e ir do ritmo mais lento para o mais rápido.

Derrube os muros
Nos trails irá deparar-se com obstáculos naturais de várias ordens. As encostas ingrimes são, sem dúvida, as partes mais difíceis de ultrapassar. São elas que vão colocar em teste a sua verdadeira forma física e lhe vão dando experiência neste tipo de corrida. A melhor forma de vencer essas subidas é fazendo-as com o menor impulso possível, quase sem afastar as sapatilhas do solo e usando os braços sobre os joelhos para progredir. Nas zonas mais técnicas, pode apoiar-se nas rochas, nos ramos de árvores, enfim, no que estiver à mão e que não o possa lesionar.

Também é importante saber descer
Não se esqueça que no trail running é fundamental saber descer. Encontrará diversos pontos que testarão a sua resistência física, aqui sobretudo com uma solicitação maior da parte inferior do corpo. Neste sentido, quando vai ao ginásio, é fundamental fazer um trabalho muscular a todo este grupo muscular.

Que a água não o pare…
Se tiver de passar rios ou riachos, deve ter sempre o cuidado de passar/pisar apenas rochas bem fixas e estáveis. Sempre com o máximo cuidado para não cair. Também é importante evitar molhar as sapatilhas, para não ficar com excesso de peso durante o resto da prova, a não ser que as partes de água estejam localizadas próximo da meta. Aí até sabe bem!

…e que a lama também não
Se chover é normal que o terreno fique lamacento e, claro está, perigoso. E aqui entram alguns conselhos essenciais para não o desmotivar. É fundamental escolher bem o calçado com que vai correr no trail: devem ter boa aderência. Evite também as que têm solas com buracos, pois podem acumular lama e pesar-lhe mais as pernas.

Distâncias
trail running tem diversas provas, desde o quilómetro vertical e corridas curtas até aos 12 km, meia maratona, maratona e os ultra, as provas mais exigentes de todas.

Bastões
Nos quilómetros verticais poderá usar bastões de esqui de fundo para facilitar a progressão. São leves e estáveis. Já para os ultra trails é preferível bastões telescópios, pois pode dobrar e guardá-los na mochila. Retiram peso do corpo e contêm uma segurança extra bastante recomendável.

Faça outros desportos
Para completar o seu treino para trails, pode treinar numa bicicleta, seja de corrida ou BTT, e praticar natação. São apenas sugestões, pois a verdade é que qualquer modalidade com um elevado poder aeróbio serve de ajuda.

Oriente-se
Apesar de não ser problemático em competição, o mais importante são os treinos.

Nunca se esqueça do telemóvel
Treinar nas encostas tem os seus perigos. Um deles é o escasso movimento humano por estes sítios no caso de lhe acontecer algo inesperado. Por isso é que, nos dias de hoje, é fundamental levar um telemóvel consigo enquanto corre. Existe uma panóplia de acessórios que permitem correr com telemóvel sem o notar.